Notas de acesso ao Ensino Superior – Ciências da Comunicação/Jornalismo

Já são conhecidos os resultados da primeira fase de acesso ao Ensino Superior. No topo das instituições com melhor média de acesso na área das Ciências da Comunicação continuam Universidades de Lisboa, Porto e Braga. Transcrevemos alguns resultados, anotando a classificação de acesso do último candidato a cada instituição:

Universidade Nova de Lisboa (Ciências da Comunicação): 172,5
Universidade do Minho (Ciências da Comunicação): 162,2
Universidade Técnica de Lisboa (Ciências da Comunicação): 160,0
ESComunicação de Lisboa (Jornalismo): 160,0
Universidade de Coimbra (Jornalismo): 159,5
Universidade do Porto (Ciências da Comunicação): 159,4
ESE de Coimbra (Comunicação Social): 153,3
Universidade da Beira Interior (Ciências da Comunicação): 142,3
Universidade de Trás-os-Montes (Ciências da Comunicação): 141,9
Universidade de Aveiro (Novas Tecnologias da Comunicação): 141,0
ESE de Setúbal (Comunicação Social): 139,3
ESEC de Faro (Ciências da Comunicação): 137,4
ESEC de Leiria (Comunicação Social e Educação Multimedia): 135,00
ESE de Portalegre (Jornalismo e Comunicação): 131,9
ESE de Viseu (Comunicação Social): 125,1
Universidade da Madeira (Comunicação, Cultura e Organizações): 122,9
ESTecnologia de Abrandes (Comunicação Social): 118,00
Universidade do Algarve (Línguas e Comunicação): 108,5
ESEC da Guarda (Comunicação e Relações Públicas): 100,0

Nota: Este ranking (estabelecido a partir de uma leitura da Listagem do Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior) não considera o número de vagas que cada escola preencheu, pondendo este dado alterar a ordem por que aqui são apresentadas as instituições. Por outro lado, foram nesta selecção considerados os cursos que aparentemente se aproximam pelas suas designações. É possível que outros, sobretudo nos Institutos Politécnicos, devessem também constar desta lista.

2 thoughts on “Notas de acesso ao Ensino Superior – Ciências da Comunicação/Jornalismo

Os comentários estão fechados.