Jornais, teremos. E jornalismo?

Há uma semana, o novo dono do Los Angeles Times e do grupo Tribune, o magnate Sam Zell, aceitou conversar em público sobre as suas opções à frente do grupo, num ano particularmente crítico como tem sido 2008. O diálogo foi disponibilizado na Internet. Hoje surgiu uma resposta, por parte do ex-director do Los Angeles Times James O’Shea, a quem Zell sugeriu que se deixasse do jornalismo e “passasse a dedicar mais tempo à família”. Intitulada “Of course we’ll have newspapers. But will there be any news in them?“, pode ler-se no blog Nieman Watchdog.
Estão aqui compendiados alguns dos mais importantes argumentos do debate sobre os media e o jornalismo e as empresas jornalísticas.