À porta do Carolina Michaëlis, à procura de nada…

Os jornalistas estão, hoje de manhã , em massa, à porta da Escola Secundária CarolinaMichaëlis, no Porto. No fim-de-semana, os semanários relataram casos (ainda) mais graves do que o caso da Escola do Porto . Na “Quadratura do Círculo”, da SIC Notícias, Jorge Coelho relatou outro caso de agressão de alunos, vivido por uma sua amiga professora. Dessas situações, não há imagens. Logo, não há notícias. No Carolina Michaëlis, qual é notícia hoje?

Anúncios

“Aqui e Agora”… finalmente!

Quase não nos lembramos de “Hora Extra, o programa de debate conduzido pela jornalista Conceição Lino que a SIC criou em Janeiro de 2002 e que atirou para horas tardias. Depois disso, este género televisivo desapareceu da estação generalista privada. Agora, e talvez muito por acção da Entidade Reguladora da Comunicação Social, a SIC anuncia a criação de um outro debate: “Aqui e Agora”, cuja estreia está marcada para 17 de Abril. Segundo o “Jornal de Notícias”, este formato contará com um painel fixo de comentadores: o criminalista e presidente da Câmara de Santarém Moita Flores, o jurista e ex-bastonário das Ordem dos Advogados Rogério Alves e o psiquiatrae José Gameiro. Será que o estúdio vai manter-se fechado a outros convidados? Não me parece bem para um debate que se pretende vivo, mas diversificado. O propósito será, segundo se noticia hoje, ser um suplemento às notícas do dia. Indo para o ar à 5ª feira, este programa irá rivalizar com “Grande Entrevista”, da RTP1 (a TVI continua sem este tipo de programação). Trata-se, é certo, de géneros diferentes, mas o passado recente demonstrou que este tipo de coabitação pode influenciar temas e convidados. Vamos ver…

Imprensa: morte (e ressurreição?)

Multiplicam-se os indicadores do declínio dos jornais. Os dados da circulação relativos ao ano de 2007, em Portugal, não desenham um panorama animador. Mas cada título continua a reagir à moda antiga. O exemplo porventura mais típico é o do Diário de Notícias. A leitura que faz dos dados da APCT é reveladora: “DN é o menos prejudicado em queda generalizada dos jornais“. Um pouco ao género do “diz o roto ao nu”.

As dificuldades não são certamente só nossas e sentem-se em diversas outras paragens. Ainda ontem o site da revista Editor & Publisher divulgava dados na Newspapers Association of America, segundo os quais a queda dos rendimentos publicitárias por parte da Imprensa dos EUA foi a pior dos últimos 70 anos.

Mas o que preocupa é que enquanto, noutros lados, os media e as respectivas associações lançam iniciativas e criam programas para procurar encontrar saídas, aqui parece optar-se por navegar à vista, à espera que em algum lado se descubra a varinha de condão que possa desanuviar ou redescobrir o futuro. Este é que, seguramente, não é o caminho.

Para reflectir sobre esta questão, duas sugestões recentes:

Abrandamento

… Não, não é o fim da minha participação. Mas, por motivos pessoais e profissionais, terei de abrandar bastante o contributo para este blogue, ao longo dos próximos meses.

Cuba e os blogues

Vale a pena ler o artigo do jornalista brasileiro Elio Gasperi, publicado no jornal Folha de S.Paulo, a respeito do movimento da blogosfera em Cuba. Ele destaca o trabalho de uma filóloga de 31 anos e as estratégias dela para burlar a censura e publicar suas observações na Web.

“Os septuagenários veteranos da Sierra Maestra têm uma nova guerrilha pela frente. Em vez de viver escondida no mato, ela está na rede de computadores e seu símbolo mais visível é Yoani Sanchez, uma micreira filóloga de 32 anos que publica a página “Generación Y” (1,2 milhão de visitas em fevereiro). No lugar dos fuzis, cabos, pen-drives e celulares com câmeras.”

Leia o artigo completo aqui.

XI Jornadas de Ciências da Comunicação

As XI Jornadas de Ciências da Comunicação (organizadas pelo grupo de alunos de Comunicação da Universidade do Minho – GACSUM) acontecem já na próxima semana, nos dias 1 e 2 de Abril (terça e quarta).
O tema genérico das jornadas deste ano é “Verdade ou Consequência”, uma alusão ao jogo com o mesmo nome, mas também o mote para debates sobre a responsabilidade do sector.
O programa é o seguinte:

Dia 1 de Abril 9h30 – Sessão de abertura
Moisés Martins
Presidente do Instituto de Ciências Sociais
Felisbela Lopes
Directora do 1º ciclo de Ciências da Comunicação
Manuel Pinto
Director do 2º ciclo de Ciências da Comunicação
Cláudia Lomba
Presidente do GACSUM

10h30 – O Jornalismo é manipulação?
Carlos Rodrigues Lima
Jornalista do Expresso
José Pedro Marques Pereira
Jornalista da RTP
Manuel Carvalho
Director-adjunto do Público
Paulo Baldaia
Director da TSF
Moderador: Manuel Pinto
Docente de Jornalismo – UM

Apresentação do livro
O Jornalista em Construção de Joaquim Fidalgo

14h00 – Realidade ou cosmética nas empresas
Alexandre Silva

Responsável pela comunicação Corporativa – Bosch
Carlos Liz

Director geral da APEME
José Menezes

Director de Comunicação da leYa
Júlia Costa
Coordenadora de eventos – Solinca/Sonae

Moderador: Teresa Ruão
Docente na área de Publicidade e RP – UM

 

16h30 – Pausa para café

 

17h00 – Desenvolvimento de Videojogos e Ambientes Interactivos
Diogo Andrade

Director Criativo e de Tecnologia da Spellcaster Studios

Filipe Pina

Produtor de jogos da Seed Studios

Ivan Franco
Director de I&D da YDreams

Nelson Calvinho
Director da revista de jogos Hype!

Moderador: Nelson Zagalo
Docente na área de Multimédia – UM

 

22h00 – Noite na Velha-a-Branca
Take One! Exibição de curtas a concurso

Dia 2 de Abril

9h30 – Pós-Produção ou Efeitos Visuais
Diogo Valente
Director Criativo da Dreamlab
Luciano Ottani
Realizador da Showoff-Films
Moderador
: Ângelo Peres*
Docente na área de Audiovisuais – UM

11h00 – Pausa para café

11h15 – A marca “Portugal”
Carlos Coelho
Presidente da Ivity Brand Corp; autor do livro “Portugal genial”
Francisco Coelho
Docente do IPAM
Henrique Agostinho
Director de marcas da Sonae Sierra; autor do livro “Vende-se Portugal”
Moderador: Ana Melo
Docente na área de Publicidade e RP – UM

14h30 – Novo perfil do profissional de comunicação
André Rabanea
Director da Torke Stunt Marketing Estratégico
Bruno Carvalho*
Porto Canal
Pedro Almeida
Director do Mestrado Comunicação e Multimédia da Universidade de Aveiro
Moderador: Luís Santos
Docente de Jornalismo – UM

 

16h – Pausa para café

 

16h30 – As consequências do curso: ex-alunos
Adelina Cabral
Relações Públicas da IMAGO
Hélder Beja
Jornalista do Semanário Sexta
Lina Vilela
Directora de contas da LOWE
Madalena Barbosa
Directora editorial da Esfera das Ideias
Sara Antunes Oliveira
Jornalista da Sic
Telmo Dourado
Técnico de Audiovisuais da RTP
Moderador: Phillipe Vieira
Aluno do mestrado em Informação e Jornalismo – UM

 

22h00 – Noite na Velha-a-Branca
Ex-alunos contam os bastidores do estágio e peripécias da profissão
Moderador: Cláudia Lomba
Presidente do GACSUM

 

*por confirmar

Portugaldiario “vai dar” o «melhor dos blogues portugueses»

O jornal online Portugaldiario deverá aparecer renovado até ao final do mês. O anúncio foi feito esta semana e promete novas secções (de Tecnologia e Ambiente), o desenvolvimento de secções já existentes, uma maior produção de video online, maior espaço para a imagem e, curioso, “o melhor dos blogues portugueses”. Sinal da valorização crescente dos blogues do ponto de vista informativo!