Web TV – blog

Nuno Fernandes prepara, na Universidade da Beira Interior, uma tese de mestrado sobre o fenómeno das Web TV’s em Portugal e decidiu criar um blog para falar do tema.
Está em ‘início de carreira’, mas é um link a visitar no futuro.

Anúncios

O poder das fontes

“Às vezes sou levado a pensar que a liberdade de imprensa e, em geral, a liberdade de expressão são uma espécie de “fast food” do regime democrático, engordam mas pouco alimentam, tantas notícias chocantes saem todos os dias nos jornais e não têm consequência alguma. Indignam durante um dia e são rapidamente substituídas por outras no dia seguinte; e estas por outras, e por outras, como Sísifo carregando a mesma inútil pedra. O famoso quarto poder é, como o chamou Mário Mesquita, um quarto equívoco. O poder do jornalismo é a face visível do poder das fontes, isto é, do poder político e do poder económico (mais o dos dispersos poderes fácticos que se desenvolvem nos seus interstícios). Por isso, há zonas do funcionamento do regime democrático onde o jornalismo não mete o nariz a não ser que sejam palco de conflitos de interesses onde possa ser usado como arma de arremesso (…)”.

Manuel António Pina, “O inútil quarto poder“, in Jornal de Notícias, 11.1.2208