Investigar sobre software social: seminário

Adrian Mackenzie, da Universidade de Lancaster – Inglaterra, será o dinamizador de um seminário de doutoramento intitulado “Researching Social Software“, que a Universidade do Minho organiza de 28 a 30 de Novembro próximo. Os interessados deverão inscrever-se até ao próximo dia 28, enviando ao mesmo tempo uma curta descrição sobre o projecto de doutoramento em que estejam envolvidos..
O programa abarca quatro sessões:

  • What is social software? (ebay, facebook, myspace, flickr, and youtube).
  • Living with social software: self-other relations and sociality (Facebook or Second Life)
  • Social software in technological economies
  • Researching social software

A iniciativa cabe ao Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade e ao Centro de Investigação em Ciências Sociais e de correrá no Instituto de Ciências Sociais da Universidade do Minho, Campus de Gualtar, Braga. Os contactos poderão ser feitos com
José Pinheiro Neves ou Zara Pinto-Coelho, organizadores do seminário, através do mail: social.software.portugal@gmail.com.

Anúncios

O peso dos mais pobres e dos mais idosos

Tem aumentado o consumo de televisão, de acordo com o Mediamonitor da Marktest. Os menos abastados e os mais velhos são os maiores conumidores.

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Como salvar o jornalismo – II

Num dos comentários ao post sobre as 12 ideias para salvar o jornalismo, Orlando Castro escreveu: “Os jornalistas não precisam de manter-se em contacto activo com o mundo em que vivem. E não precisam porque, de facto que não de jure, o mundo em que vivem não é o mesmo dos seus chefes. E são estes que determinam o que deve, ou não, ser publicado”.
Penso ser interessante, a este propósito, sugerir a leitura de uma palestra recente de Tim J. McGuire (jornalista desde 1970, antigo director e administrador do Star Tribune, de Minneapolis, e ex-presidente da American Society of Newspaper Editors).
Excerto:

One last comment about innovation. It ain’t coming from anybody in this room. The chances of one of us here (…) going out of here an inventing a Google or even a viable innovation for newspapers is the same chance as all of us flying out of here on brooms. –None.
So where is that innovation going to come from?
Young people who, if we are smart, work for us.
We don’t get the digital age and they do.
And, that’s why its stupid, yes stupid for you to try to make every decision in your shop and act as if all wisdom resides in your office.
It does not.
If you want to foster true innovation in your organization involve your staff. Show them you trust them and build an environment which allows them to innovate.

McGuire termina apontando o caminho com as palavras de Gregory Favre:

We have to love newspapers back to Life

Internet People

🙂 Ai de quem não reconhecer pelo menos 10 dos ‘internet events’ retratados nesta animação…

Encontrei a sugestão aqui.

VI Bienal de la Comunicación – textos

Seguindo a sugestão da Cláudia Quadros aqui fica o link para os textos de todas as apresentações feitas durante a VI Bienal Iberoamericana de Comunicação, que teve lugar na última semana de Setembro, em Córdoba, na Argentina.