Mais um gratuito à vista

A edição digital do ‘Público‘ anunciou hoje que este jornal, juntamente com ‘A Bola’, vai lançar uma publicação gratuita, prevendo que ela comece a ser publicado antes do fim do ano. A novidade é que se trata não de um diário mas de um semanário, ao contrário da maioria dos gratuitos que têm sido até agora publicados entre nós.

Depois do ‘Meia Hora’, lançado há escassos meses pela Cofina, do, entretanto extinto, ‘Diário Desportivo’ e do anunciado (para Setembro) ‘Global Notícias’, da Controlinveste, o ano promete não terminar sem mais esse sinal de fartura.

E por falar em sinais, será interessante analisar aqueles que vêm do lado da administração do Público sobre o projecto em preparação: desenvolvido entre as duas empresas, “partilhará recursos humanos e logísticos, para além de conteúdos dos dois jornais”.

Algo de semelhante se desenha para o projecto da Controlinveste, o que já motivou vários sinais de inquietação entre os jornalistas.

Mas o processo parece imparável. E é caso para perguntar se faz sentido combatê-lo recorrendo à recusa pura e simples ou, antes, acautelar o que possa e deva ser acautelado.

Será por acaso que, no recente veto de Cavaco Silva ao Estatuto do Jornalista o único ponto que não foi objecto de reparo presidencial, de entre a lista das críticas anteriormente formuladas, tenha sido precisamente o relativo aos direitos de autor?

Também por este lado o jornalismo está a mudar. E de que maneira!

Anúncios