UNESCO publica currículo de Jornalismo

Photo Sharing and Video Hosting at PhotobucketFoi por estes dias apresentado e discutido no Congresso Mundial sobre Ensino do Jornalismo, que tem estado a decorrer em Singapura. Destina-se em particular aos países em desenvolvimento e democracias emergentes, mas contém indicações úteis para outros contextos. Intitula-se “Model Curricula for Journalism Education for Developing Countries & Emerging Democracies” e acaba de ser editado pela UNESCO, encontrando-se disponível no site desta organização.

O documento surge na sequência de mais de um ano de trabalhos preparatórios e de consultas com profissionais, académicos, gestpres e responsáveis de instituições de diferentes partes do mundo, ligados directa ou indirectamente à formação de jornalistas.

Assumindo-se como um referencial susceptível de adaptações a contextos específicos, o livro (de 150 páginas) irá ser traduzido nas principais línguas e o seu conteúdo tomado como motivo de um fórum para formadores interessados em partilhar e debater experiências nesta matéria.

O seguinte apontamento dá ideia da filosofia seguida na concepção da arquitectura deste modelo curricular:

“There are three categories of courses in these curricula, corresponding to the three axes: professional practice, journalism studies, and arts and sciences. Assigning each course in the three-year bachelor’s program to one of these categories, and assigning each course the credit value we think it deserves, we estimate that in the first year 20% of coursework is in professional practice, 10% in journalism studies, and 70% in arts and science. In the second year, the percentages are 40%, 20% and 40%. In the third year, 80% of courses are in the professional category and 20% in arts and science. Those percentages add up to the following balance for the threeyear bachelor’s program: professional practice, 47%; journalism studies, 10%; arts and science, 43%. We stress that this is an estimate. The credit value for individual courses should be calculated according to the system in place at each educational institution and the number of courses students are expected to take each year. Looked at a little differently, the balance for the three-year program may be calculated as: professional practice, 40%; journalism studies, 10%; arts and science, 50%.”

Anúncios

2 thoughts on “UNESCO publica currículo de Jornalismo

  1. Pingback: Ponto Media » Modelo currcular para o jornalismo

  2. Pingback: educação e jornalismo « Monitorando

Os comentários estão fechados.